terça-feira, 14 de julho de 2009

Palavras Úmidas


Bem me quer...
Mal me quer...
Sopra o vento
a despetalar poesias...
O cheiro de versos no ar
encantam as borboletas
que bailam azulando o dia...
Gotículas orvalhando a manhã,
umidecem palavras,
molhando entrelinhas,
evaporando frases,
formando nuvens
no céu da boca,
dissolvendo sabor
do desejo só pra dizer...
Te quero!

2 comentários:

Anezinha disse...

Lindo.... imagem em perfeito enlace com a poesia!
belo despetalar....
suave qual você!
bjus
Rose

jeronimo disse...

Uma graça a sua poesia!
Lembrei dos tempos de infância quando nós brincávamos de bem-me-quer / mal-me-quer.
Parabéns, querida!
Bj!