terça-feira, 6 de abril de 2010

Pedras no caminho...


Tropeços!
Pedras a minha frente encontrar
A elas tenho a necessidade retirar.
Elas o ensinamento laços.
Degraus, murralhas. 
Verdades ou mentiras...
Delas, retiradas as trabalharei.
Quantas coisas edificarei.
Degraus e muralhas
até mesmo castelos e fortalezas.
Fragmentos deixados e encontrado pelo destino
 quero com eles erguer a torre, nela haverá um farol...
Quem sabe a iluminar o horizonte
onde sopre a brisa varrendo pensamentos?
Assim eu possa desvendar fronteiras azuis
que meus pés precisam pisar,
subir 
para alcançar a luz.
Solange Bretas

Nenhum comentário: