sábado, 9 de janeiro de 2010

Cativa


As linhas são testemunhas,
os versos foram cúmplices,
o poema foi minha arma
quando declarei
meu mais puro e verdadeiro amor...
Agora cativa me rendo
pago a pena e lamento
por ter causado grande mal
em amar demais...

Nenhum comentário: