quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Liberta Pelo Amor


Penetrou  meu avesso
encontrando pérolas
que cultivava dorida
no ceio de minh'alma.
Decifrou meus enigmas
verteu luz no breu de meu peito
preencheu com ternura
o vazio do coração.
Abriu portas e janelas
deixando o sol de seu horizonte
habitar em minha entranhas
fecundando meus sentidos com prazer
e a minha boca deu de beber
de seu mais puro sorriso.
Mudou a cor do meu olhar
vestiu-me de arco íris.
Adornou-me com seus abraços
libertando-me da
solidão algoz .

Solange Bretas

Nenhum comentário: