sábado, 9 de janeiro de 2010

Por Falar de Rosas



A suavidade das rosas,
a macieis de suas pétalas
a resvalar na alma
carícias intensas...
Sua doce fragrância
perfumando os sentidos
inebriante equilíbrio...
Nuances de toque de seda
despertam desejos
alucinantes paixões...
Os espinhos...
Enfim, eles existem...

Solange Bretas

Nenhum comentário: