quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Meu Sol


Ao decifrar-te direi que tu és o sol
Brilhando intenso, perfeito sedutor.
Ah!! Em cada explosão te soltas no ar
Quisera possuir uma gota de suas lavas
Para a minha alma abrasar
Quem me dera ser um espelho
A refletir seu sorriso e nele me banhar
De luz radiante, fulgurante esplendor.
Astro maior de sentimentos divinos
Ilumina todo o universo, e cativa
a quem de ti se aproxima aquecendo
e provocando os corações, derretendo tristezas
Faz a vida renascer ao despontar pela manhã.
Sua casa é o arrebol de onde parte a espalhar
Harmonia e beleza de seu doce olhar.
Quando te aproximas do mar ele vibra
É um espetáculo a parte, enfeitiça a quem olhar.
És maravilhoso tens a Lua apaixonada
A espera de um encontro onde possam se tocar,
É noite em pleno dia, mas mesmo assim,
sua força e brilho suplanta toda escuridão.
És vigoroso estrela de brilho próprio
Dentro de ti há o equilíbrio de quem o criou
A superfície de sua pela ruborizada
Causa suspiros e enfeitiça os corações.
Sua luz ao refletir no arco íris
é a mais sensacional contemplação
E quando se vai e a noite desce
Do seu brilho sinto saudades
O dia termina e eu espero seu alvorecer.

Nenhum comentário: